Connect
To Top

Tratamentos para lesão por esforço repetitivo [LER]

A lesão por esforço repetitivo (LER) é um termo geral usado para descrever a dor sentida nos músculos, nervos e tendões causada por MOVIMENTOS REPETITIVOS e EXCESSIVOS. 

LER

A LER é uma lesão relacionada com a atividade da pessoa e, em alguns casos, pode ser entendida como uma doença ocupacional. Também é conhecido como DORT (Distúrbio Osteomuscular Relacionado ao Trabalho). O médico ortopedista é o especialista indicado para diagnosticar e tratar LER e DORT.

Embora as empresas possam melhorar as ambientes de trabalho e reatribuir tarefas para reduzir as lesões dos funcionários, tratar uma lesão assim que ocorre não é tão fácil. Por exemplo, lesões por esforço repetitivo relacionadas ao computador, detectadas com antecedência suficiente, podem ser remediadas ou controladas com fisioterapia, educação sobre postura e mecânica corporal e, às vezes, tempo longe do teclado.

Mas se um funcionário continuar trabalhando sem fazer essas mudanças, ele ou ela pode acabar tão INCAPACITADO que executar tarefas simples como cozinhar, jardinar, pegar um bebê ou carregar sacolas se torna difícil. Mesmo que o problema nunca atinja esse ponto, alguns funcionários nunca poderão retornar à sua capacidade total.

As principais tarefas que podem causar LER são:

  • Usar um mouse de computador
  • Digitar
  • Passar tens em uma caixa de supermercado
  • Trabalhar com ferramentas
  • Trabalhar em uma linha de montagem
  • Treinos intensivos para esportes

Os trabalhos de escritório, certamente são os mais propícios, porém, não são as únicas ocupações cujos trabalhadores estão em risco. Também existem diversas outras ocupações que envolvem movimentos repetitivos e podem aumentar seu risco. Como:

  • Dentistas
  • Trabalhadores da construção civil que usam ferramentas elétricas
  • Limpadores
  • Cozinheiros
  • Motoristas de ônibus
  • Músicos

Principais regiões que o esforço repetitivo afeta:

  • Antebraços e cotovelos
  • Pulsos e mãos
  • Pescoço e ombros

A inflamação causa por esforço repetitivo se instala lentamente, por isso muitas vezes só é percebida quando já está avançado.

LER tratamento

Fique atento aos sintomas se você sente frequentemente:

  • Dor, variando de leve a grave
  • Inchaço
  • Rigidez
  • Formigamento ou dormência
  • Músculo latejando
  • Fraqueza
  • Sensibilidade ao frio ou ao calor
  • Sensação de agulhadas ou pontadas

No início, você só pode notar sintomas quando está realizando uma ação repetitiva em particular que está acostumado.

Portanto, sem tratamento, os sintomas da LER podem se tornar constantes e causar períodos mais longos de dor. Você também pode ter inchaço na área afetada, que pode durar vários meses. Mesmo com o tratamento inicial, os sintomas podem limitar sua capacidade de realizar suas atividades habituais.

ATENÇÃO: Se você desenvolver sintomas de LER e achar que isso pode estar relacionado ao seu trabalho, fale com o seu empregador ou representante de saúde ocupacional.

Pode ser possível modificar suas tarefas para melhorar seus sintomas.

Veja o seu médico se os sintomas persistirem, apesar das tentativas de mudar a forma como você trabalha.

Tratamentos para lesão por esforço repetitivo

O tratamento da LER depende do diagnóstico.Como resultado, pode incluir mudanças no ambiente de trabalho, fisioterapia, medicamentos, infiltrações e uso de órteses, como talas e coletes.

O tratamento inicial para sintomas de LER pode incluir:

1º passo – Repouso, gelo, compressão e elevação
2º passo – Medicamentos anti-inflamatórios
3º passo – Exercícios, que podem ser prescritos como parte de um plano de tratamento fisioterapêutico
redução do estresse e treinamento de relaxamento envolvendo a área ou prendendo-a com uma tala para proteger e descansar os músculos e tendões.

Seu médico e fisioterapeuta também podem sugerir ajustes em seu ambiente de trabalho, como reajustar a cadeira e a mesa se você trabalha em um computador. Além disso, até mesmo modificações em seus movimentos e equipamentos para minimizar o esforço muscular e o estresse.

Em alguns casos, a cirurgia pode ser necessária.

Lembre-se sempre: somente seu médico pode te orientar e passar um diagnóstico certo! Consulte sempre um médico!

Provavelmente você conhece alguém que sempre reclama de um desses sintomas. Ajude outras pessoas e compartilhe esse conteúdo!

Acima de tudo quem trabalha com dor, não trabalha em 100% de seu rendimento. Portanto, viver sem dor ou desconforto, é viver pleno e livre para exercitar sua função e até mesmo sua criatividade.

Como prevenir Ler – lesão por esforço repetitivo

Se você se sentar em uma mesa, siga os conselhos tradicionais de pais e professores: Sente-se ereto e não se curve!

Boa postura é a chave para evitar estresse desnecessário em seus músculos. Isso requer prática e atenção!

Há também muitos exercícios que você pode fazer para melhorar sua postura:

  • Ajuste seu ambiente de trabalho para promover uma boa postura e conforto.
  • Sente-se em uma cadeira que lhe dê apoio para a parte inferior das costas e mantenha os pés apoiados no chão ou em um descanso para os pés. Suas coxas devem estar paralelas ao chão e suas mãos, punhos e antebraços devem estar alinhados. Seus cotovelos devem estar alinhados com o teclado para evitar esforço.
  • Evite sentar de pernas cruzadas. ATENÇÃO MULHERES!
  • Se possível, passe algum tempo do seu dia em pé. Lentamente, aumente a quantidade de tempo que você está, com o objetivo de 20 a 30 minutos a cada hora ou mais.
  • Coloque o monitor do seu computador a cerca de um braço de distância de você. A tela deve estar no nível dos olhos, então você está olhando para frente.
  • Se você estiver muito ao telefone, use um fone de ouvido para evitar forçar o pescoço, os ombros e os braços.
  • Fazer pausas frequentes de sua mesa durante o dia é tão importante quanto ter uma estação de trabalho ergonômica.
  • Levante-se para esticar ou andar por aí
  • Mexa os dedos e flexione os pulsos

Essas podem soar como pequenas coisas, mas os mini intervalos podem fazer uma grande diferença na prevenção da LER.

Se o seu trabalho não depender d uma mesa, os mesmos princípios se aplicam.

Mantenha uma boa postura, descubra as posições menos estressantes para as tarefas repetitivas necessárias e faça pequenos intervalos frequentes.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Saúde

O Guia Saúde em dia foi pensado com todo carinho e cuidado para levar até você mais informação sobre saúde, emagrecimento saudável, bem-estar e estilo de vida! Seja super bem-vindo(a)! Siga nossa página e curta nossas redes sociais para ficar sempre por dentro das novidades!

Categorias

Facebook

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.